INVEJA, INVEJA, INVEJA…

Written by admin. Posted in Historias, Noticias

Tenis no teto 300x225 INVEJA, INVEJA, INVEJA...

Tênis no teto de carro em Deerfield Beach

Ontem pela manhã fui dar a minha caminhada na praia de Deerfield Beach, Flórida e me deparei com a cena da foto ao lado: Alguém foi à praia dirigindo. Ao chegar, descalçou seu tênis e, para não deixá-lo dentro do carro estacionado ao sol, tranquilamente colocou o calçado do teto de seu carro.

Sabemos que temos estágios diferentes de desenvolvimento entre o nosso Brasil e os Estados Unidos, mas ainda se matam brasileiros por causa de um tênis ou de uma Havaiana. Mal se ouve falar na prisão de meliantes que cometem este tipo de crime. Pior, muitas vezes sabemos pela imprensa que os raros sujeitos eventualmente presos foram soltos pela Justiça por justificativas, na maior parte das vezes, injustificáveis.

Fico me perguntando até quando nossa sociedade, acuada por bandidos calçando chinelos ou usando gravatas e arrochada por uma carga tributária injusta em magnitude, forma e conteúdo, irá aguentar tamanha violação de um dos direitos mais básicos, garantido constitucionalmente inclusive, que é o “direito de ir e vir”? Sem falar, claro, no “direito à vida”.

Para completar, no meu caminho de volta para casa, parei no supermercado e estacionei ao lado desse carro conversível da foto abaixo.

Conversivel e oculos 300x188 INVEJA, INVEJA, INVEJA...

Corvette conversivel em Deerfield Beach

Não sei se dá para reparar que o dono sequer tirou seu Ray-Ban do suporte para óculos(Tá bom, eu sei que a foto não ficou boa).

Inveja não é, definitivamente, um bom sentimento, mas posso dizer que desejo demais que meu país suba  de padrão.
Então, até lá, inveja, inveja, inveja…

Henrique Neves/Temporada Plus

O DIA EM QUE O CÉU CAIU NA PRAIA DA FERRUGEM

Written by admin. Posted in Historias, Santa Catarina

Ferrugem O DIA EM QUE O CÉU CAIU NA PRAIA DA FERRUGEM

Casa de temporada na Ferrugem

Julho de 1987, em férias e surfando entre Imbituba e Garopaba, aluguei uma casa por temporada na Praia da Ferrugem em Santa Catarina, quando passei por um dos maiores apertos de minha vida.

Era inverno mas não estava fazendo um frio danado, já a água do mar, um gelo e com pouca onda. Meu amigo Carlos e eu éramos os únicos dentro d’água e na areia da praia não havia viva alma. De repente, umas nuvens muito escuras, cinza-esverdeadas, se aproximaram de forma extremamente rápida e não habitual. Em poucos minutos parecia noite. Meu amigo e eu nos olhamos e ninguém precisou falar nada, era hora de sair correndo do mar.

Foi quando ouvi um “pluff” na água que pareceu um peixe pulando. Após o primeiro, seguiram-se outros “pluffs” por toda parte. Quando percebemos que os barulhos eram, na realidade, chuva de granizo do tamanho de bolas de tênis não pensamos duas vezes.

Ao chegarmos à areia já tínhamos um retrato da real situação: estávamos correndo para salvar nossas vidas! Para nossa sorte o mar havia cavado um pequeno  morrinho de areia onde nos agachamos, nos cobrimos com as prenchas de surf e começamos a orar. Alguns minutos se passaram dessa maneira, com muito vento, muito granizo, muita areia voando, muita oração, apesar de parecerm horas para nós dois naquela situação.

Quando as coisas se acalmaram a cena era surreal. Não se via mais a areia da praia, não se viam mais os gramados, tudo coberto por uma grossa camada de gelo. Caminhar até a casa, descalços, foi uma proeza dada a dificuldade em nos mantermos em pé. Apesar do aperto que passamos, somente ao chegarmos próximos das casas e dos carros foi que percebemos a gravidade da situação.

As casas que não foram destelhadas tinham seus telhados perfurados pelas pedras parecendo queijo suísso. . Os carros estavam com as chapas amassadas e com os vidros quebrados. Até hoje, quase 26 anos depois, ainda é o pior temporal já acontecido na região que lembrava uma zona de guerra logo após ter sido bombardeada.

Quem já não passou por situações perigosas, ou trágicas durante suas férias? Essas situações, geralmente, marcam o nosso relacionamento com aquele local visitado e resistem ao tempo em  nossas memórias.

Aproveite e conte as “roubadas” de suas férias aqui no blog do Temporada Plus.

Henrique Neves

O RIO DE TODOS NÓS

Written by admin. Posted in Historias, Rio de Janeiro

 

RIO EYE EXP 300x182 O RIO DE TODOS NÓS

Rio Eye Experience

Rio, de janeiro, Rio de abril,  de setembro, Rio de todas as emoções. Maravilhosa em muitas estações: do humor, do amor, da ginga, da alegria , da moda e  do despojado. Mas tem as outras estações, não tão belas, como em tantas cidades.

Até no que ainda falta, tem lá sua carioquice, sua brasilidade e o melhor, a esperança de que vai mudar.

Tem a beleza que encobre tudo, mas também a feiura que não impede as verdades. Quem aqui mora, quem aqui passa,  vê todos  os lados, mas não desencanta. Porque o urbano tem suas fatias, suas vias, suas surpresas de toda ordem. E na desordem, democratiza desejos, e já ensaia encurtar  a distância de favela e asfalto. Mesmo que de forma um pouco folclórica, quando a zona sul sobe o morro, parece que vai a outro planeta  e ficamos a observar a “novidade”.

Mas as cores, os sabores, os sorrisos  e a elegância da simplicidade seduz. E é na natureza que o Rio abraça um por um, de igual para igual, porque é propriedade de cada um. É como um rio que flui, derrama e transborda…

É o Rio, de toda gente, da sua praia, sua havaiana, música  e beleza vão desenhando esse movimento. De bike, a pé, de carro, ônibus, aqui você vai se encontrar com seus cinco sentidos, é certo!

Que mude, para melhor no que tem que mudar, no que o ser humano, o cidadão tanto quer, mas que continue o Rio de todos nós.

Karen Rochlin/Rio Eye Experience, parceira do Temporada Plus

PROTESTO DO GREENPEACE PELA MOBILIDADE URBANA

Written by admin. Posted in Alagoas, Bahia, Ceará, Noticias, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe

greenpeace otavioalmeida 9843 150x130 PROTESTO DO GREENPEACE PELA MOBILIDADE URBANA

Protesto do Greenpeace pela mobilidade urbana

Tarefas simples como se locomover nas grandes cidades do Brasil tornou-se tudo menos simples. Cada dia que se passa estamos retidos por mais alguns segundos em um outro engarrafamento. A lentidão desssa progresssão é perversa, pois vai fazendo que nos acostumemos com o “novo padrão”.

Nossso modelo de transporte está completamente ultrapassado, baseado no transporte do indivíduo quando deveria se basear no coletivo. Novo ano, novos carros, milhões deles, e o direito universal de ir e vir transformou-se condicional, ou seja, quando o tráfego nos permitir.

O Greenpeace está nas ruas hoje protestando conforme divulgado pela Folha de São Paulo. Não podemos deixá-los abandonados, lutando sozinhos, pois os beneficiários diretos de qualquer melhoria que se obtenha somos nós mesmos, brasileiros dos carros, dos ônibus, dos trens, das bicicletas. Sem contar no ganho indireto e não menos importante  que representa para a qualidade do ar que respiramos termos menos engarrafamentos.

Junte-se a nós, comente, espalhe. Uma cidade melhor, um país mais digno para se viver passsa, necessariamente pelas nossas vontades e nossos posicionamentos. Não deixe es pobres coitados do Greenpeace com cartazes nas ruas parecerem malucos. Malucos somos nós em aceitar o caos instalado. Grite aos políticos que queremos um pais melhor.

O Temporada Plus | Aluguel de Temporada está junto com o Greenpece.

Henrique Neves

CAMINHÃO DO PEIXE NO GUARUJÁ SP

Written by admin. Posted in Noticias, São Paulo

guaruja 300x168 CAMINHÃO DO PEIXE NO GUARUJÁ SP

Apartamento para alugar por temporada no Guaruja

Numa iniciativa dos governos Federal e Municipal, um caminhão vendendo peixes a preços mais baixos está nas ruas da cidade do Guarujá, Litoral Sul de São Paulo proporcionando balancear com pescado a alimentação de populaçcões mais carentes.

Fica o registro do Temporada Plus, pois medidas simples, às vezes, são as mais eficientes. Esperamos que a iniciativa se alastre para outras cidades.

Leia a notícia completa aqui.

Henrique Neves

EVITANDO ABUSOS: SUPERLOTAÇÃO(FINAL)

Written by admin. Posted in Segurança

shutterstock 53446360 150x150 EVITANDO ABUSOS:   SUPERLOTAÇÃO(FINAL)

Deixe sua propriedade trabalhar por você.

A super lotação ocorre quando o hóspede declara que serão X hóspedes e na realidade trazem uma, duas ou mais pessoas.  Lembre-se que hotéis mantêm um controle de hóspedes na chegada e têm sempre funcionários controlando o entra e sai dos seus hóspedes e de outras pesssoas relacionadas ou não a estes hóspedes e têm o poder, inclusive, de ordenar uma pessoa não registrada a retirar-se ou até mesmo usar a força(seguranças ou polícia) para executar esta retirada. Cabe ao proprietário do imóvel de temporada, então, uma série de pequenas medidas preventivas que podem contribuir para coibir a prática: (CONTINUAÇÃO)…

4- Deixe uma cópia da lista de hóspedes na portaria do prédio ou condomínio. Tenha uma boa relação com os porteiros e administradores, pois eles serão aliados importantes para ajudá-los no controle de acesso. Deixe com porteiros e administradores seus telefones para contato, seu e-mail, Skype, etc., assim você poderá ser informado do que está acontecendo em sua propriedade;
5- Se possível, tenha uma pessoa de confiança para prestar serviços de limpeza para você e acrescente o valor do custo desta pessoa ao valor do aluguel que você cobrará. Informe que os serviços de camareira já estão inclusos no valor do aluguel. Instrua esta pessoa a lhe reportar qualquer movimento não usual;
6- Se a casa tem caseiro, mantenha-o na propriedade durante a locação e, da mesma maneira,  avise seus hóspedes que os serviços estão inclusos no valor do aluguel. Instrua a lhe reportar qualquer movimento não usual;
7- O item acima aplica-se a outros possíveis profissionais como cozinheiros, jardineiros, piscineiros. Torne cada um deles seu aliado.

Se você é proprietário de imóvel por temporada, ajude-nos a enriquecer este post. Suas ideias e experiência são muito importantes.

Henrique Neves

VENDAVAL EM CARAGUATATUBA – SP

Written by admin. Posted in Noticias, São Paulo

Caraguatatuba 300x194 VENDAVAL EM CARAGUATATUBA   SP

Apartamentos de aluguel de temporada em Caraguatatuba

Na manhã de hoje, 05/04/13 um vendaval com ventos de até 100 km/hora assolou Caraguatatuba, Litoral Norte de São Paulo.
Árvores foram arrancadas do solo, cabos de energia elétrica e fios telefônicos se romperam interrompendo esses serviços por várias horas, alguns prédios e casas foram destelhadas. Felizmente não houve registro de pessoas machucadas.
Para maiores informações veja os links abaixo:
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1258232-forte-ventania-derruba-arvores-e-deixa-parte-de-caraguatatuba-sp-sem-luz.shtml
http://folhadolitoralnorte.net/vendaval-atinge-caraguatatuba-de-destelha-escola-e-predios-nesta-a-sexta-feira-05/
Para ver a previsão do tempo do Climatempo em Caraguatatuba clique abaixo:
http://www.climatempo.com.br/previsao-do-tempo/cidade/796/caraguatatuba-sp

 

Henrique Neves

EVITANDO ABUSOS: SUPERLOTAÇÃO(1)

Written by admin. Posted in Segurança

shutterstock 58192048 150x150 EVITANDO ABUSOS:   SUPERLOTAÇÃO(1)

Deixe sua propriedade de temporada trabalhar por você.

A super lotação ocorre quando o hóspede declara que serão X hóspedes e na realidade trazem uma, duas ou mais pessoas.  Lembre-se que hotéis mantêm um controle de hóspedes na chegada e têm sempre funcionários controlando o entra e sai dos seus hóspedes e de outras pesssoas relacionadas ou não a estes hóspedes e têm o poder, inclusive, de ordenar uma pessoa não registrada a retirar-se ou até mesmo usar a força(seguranças ou polícia) para executar esta retirada. Cabe ao proprietário do imóvel de temporada, então, uma série de pequenas medidas preventivas que podem contribuir para coibir a prática:
1- Seja bem claro com seu hóspede antes da contratação da locação, antes da assinatura do contrato que para você o número de pessoas declarado é importante e será cobrado;
2- Seja cuidadoso com o contrato de locação. Redija um contrato que contenha em uma de suas cláusulas o repúdio à superlotação e a forma como esta será tratada, não tolerada e punida, inclusive com o término antecipado do período de locação sem possibilidade de ressarcimento de qualquer valor já pago;
3- Exija os nomes completos de todos os hóspedes, se possível, com seus números de carteiras de identidade(Hotéis não exigem isto?). Mostre que você é uma pessoa de negócios séria que cumpre suas obrigações e exiga que a outra parte cumpra com as suas;

(CONTINUA)…

 

Henrique Neves

MULHER(SEXO FRÁGIL) | FÉRIAS NO RIO DE JANEIRO

Written by admin. Posted in Historias, Rio de Janeiro

 

Ipanema 150x150 MULHER(SEXO FRÁGIL) | FÉRIAS NO RIO DE JANEIRO

Apartamento em Ipanema 

Em fevereiro de 1982 aluguei com amigos e namorada, um apartamento por temporada em Ipanema, Rio de Janeiro, na Rua Prudente de Morais, esquina com Rua Joana Angélica, bem próximo ao famoso bar Garota de Ipanema.
No auge de nossas juventudes só queríamos, naturalmente, estar na rua, ou seja, praia durante o dia e festa à noite.
Invariavelmente acordávamos com um vizinho que amava o Tremendão Erasmo Carlos que acabara de lançar seu Álbum Mulher em 1981.
Com a boa acústica do prédio, parecia que a música provinha de nosso próprio apartamento tal era o volume com que esse vizinho escutava suas músicas. Essa pessoa, ou era o maior fã do Tremendão, ou só tinha esse LP, ou era o maior fã do Tremendão e só tinha esse LP, não cabendo aqui qualquer outra opção.
Dia sim e outro também, bem cedo pela manhã lá vinha o Tremendão a todo volume, música após música deste citado álbum. Uma semana após nos instalarmos já sabíamos de cor a ordem das músicas e as suas respectivas letras.
Uma das músicas do álbum, a primeira delas, chama-se Mulher(Sexo Frágil). À época, aos vinte anos, eu ainda não havia conhecido as “Mulheres da minha vida”, mas a letra da música grudou em mim. Dizia assim parte do refrão da música:
“Mulher! Mulher!
Na escola
Em que você foi
Ensinada
Jamais tirei um 10
Sou forte
Mas não chego
Aos seus pés…”
Anos se passaram e tive a felicidade de encontrar as “Mulheres da minha vida”. Uma delas eu já conhecia desde que nasci, minha mãe, Rose, mas, aos vinte anos, mães nos parecem mais como um ente que existe única e exclusivamente para atender às nossas demandas juvenis, fúteis e intermináveis. O tempo, porém, encarrega-se de abrir nossos olhos, acalmar nossos afãs e nos fazer entender desse amor incondicional e irrecíproco em dimensão e intensidade. Tornar-me pai, juntamente com o tempo, conduziu-me à clarividência.
A outra, minha esposa Isabela, entrou em minha vida quando eu já era “homem feito”(auto-conceito), mas ela me fez entender que  eu “Era uma criança, não entendia nada”, perdoe-me Tremendão pela corruptela. Através dos olhos de Isabela eu aprendi a enxergar o que antes eu não via; por seu coração, sentir o que antes era utopia; pela sua fé, acreditar no que antes eu não cria.
Sua música, Tremendão, que por anos fez parte da trilha sonora de umas longínquas férias, entrou para a galeria das músicas da trilha sonora da minha vida.  Minhas mulheres me fizeram entender o significado de suas sábias  palavras de onde “me veio a inspiração para mencionar você nesse post”. Ops! Desculpe-me novamente, Erasmo, mas não pude resistir…

 

Henrique Neves

O PELOURINHO EM SALVADOR, ESQUINA DO MUNDO.

Written by admin. Posted in Bahia, Flat

 

Foto Pelourinho 150x150 O PELOURINHO EM SALVADOR, ESQUINA DO MUNDO.

Apartamento no Pelourinho, Salvador

O Pelourinho é um capítulo à parte de Salvador, pois, considerado Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco, tem seu conjunto arquitetônico colonial em cores variadas e um sem número de igrejas, desde as simples até àquelas com altares e paredes decoradas com ouro e acervos artísticos preciosos. Destacam-se a Catedral Basílica e a Igreja de São Francisco.

Criada em 18 de fevereiro de 1808 por D. Joao VI em sua curta estada de 33 dias quando de sua chegada ao Brasil, a Escola de Cirurgia da Bahia, conhecida hoje por Faculdade de Medicina da Bahia, nasceu e está localizada em um casarão no bairro.

Totalmente remodelado na década de 90, foi revitalizado e a área tornou-se referência turística e gastronômica, e ponto de encontro de turistas com soteropolitanos.

Com milhares de turistas visitando a cidade, muitas são as opções de apartamentos para alugar por Temporada, além de inúmeras pousadas.

Uma profusão de cores, raças e sabores(não deixe de comer no Restaurante Jardim das Delicias) o tornam um centro lançador de modas e tendências, além de ser o local de referência aos grupos culturais afro-brasileiros onde arte, música e danca são suas expressões mais conhecidas. Para aquele “happy-hour” com os amigos, não deixe de experimentar os petiscos do Bar Fundo do Cravinho.

Dentre as galerias de arte, e, sozinho, o Pelourinho pode ser chamado de uma galeria de arte a céu aberto, não deixe de dar uma espiada na de Marcos Rogger.

Os Blocos Afros estão presentes por todo Pelourinho, destacando-se o Olodum e o Afoxé Filhos de Gandhy.

O Pelourinho é uma explosão cultural, palco de inúmeros teatros, onde a referência é o Teatro SESC SENAC Pelourinho. Diversas organizações e ONGs têm no bairro suas sedes. A Fundação Casa de Jorge Amado, por sua relevância filantrópica e localização é outro local a ser visitado.

 

Henrique Neves